Gatinhos na Dinamarca

A Joice Fadelli foi morar na Dinamarca e levou com ela seus dois gatinhos, leia a entrevista que ela deu para o Manual abaixo.

MB: Qual o nome, a raça e a idade dos seus bichos?

JF:   Eu tenho o Frajola, de 8 anos e o Lúcifer, de 2 anos. Ambos são SRD.

MB: Onde vocês moram?

JF: Atualmente a gente mora em Copenhagen, na Dinamarca.

MB: Como começou a história de vocês?

JF:  O Frajola eu adotei há 8 anos atrás de uma ONG e desde então ele está comigo. Já mudou para o Rio de Janeiro com a gente antes de virmos pra Europa. O Lúcifer eu adotei da mesma ONG, ele tinha 4 meses quando eu o peguei e ele veio bem doente pra minha casa, tinha pneumonia, pulgas. Foi bem difícil no começo a adaptação deles entre si porque o Frajola sempre foi sozinho, então rolou ciúmes por uns 6 meses.

MB: Como foi a mudança? 

JF: Foi muito traumática.

MB: Alguma dificuldade? Em relação a documentação exigida ou mesmo pela viagem em si.

JF: O processo em si é bem angustiante. São 5 meses de preparo pra tudo (vacina, exames, tempo de espera do resultado) e ir ao aeroporto varias vezes é desgastante.

MB: Quais diferenças você nota em relação a vida com bichos no Brasil e no país onde estão? Pet shops, alimentação, etc..

JF:  Eu acho que no Brasil tem muito mais ofertas nesse segmento. Diversos pet shops e muitos veterinários, além de achar várias marcas de rações no mercado. Aqui você tem que pedir ração pela internet, são poucos os lugares que vendem rações super premium por aqui. Os veterinários são poucos também e caríssimos (como tudo na Dinamarca).

MB: Alguma dica para aqueles que podem fazer a mesma mudança em breve?

JF: O primeiro passo é a inserção do microchip e isso tem que ser feito antes da vacina de raiva. Então eu sugiro que esse passo seja feito mesmo se a pessoa não tem data de viagem fechada (ou se ainda está só no mundo das ideias). O exame de sorologia para raiva, até dezembro de 2017, só  um laboratório no brasil tinha credencial pra fazer, mas em 29/12/2017 o governo brasileiro cancelou a demanda de material pra realizar o teste pelo CCZ – SP, então no atual cenário só enviando a amostra para o Chile ou para os EUA. Vide matéria abaixo:

(https://www.google.com.br/amp/m.folha.uol.com.br/amp/cotidiano/2017/12/1946861-prefeitura-de-sao-paulo-nao-fara-mais-exames-para-pets-viajarem-a-europa.shtml)

Então se a pessoa puder fazer os passos até o exame mesmo que ela não tenha prazo definido de viagem vai adiantar, caso ela decida, pq o exame de sorologia não tem validade se o animal for vacinado anualmente contra a raiva.

image1_BichospeloMundo
Os gatinhos da Joice! 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s