Nina, uma cachorrinha agradecida e amorosa

Vocês pensam que o Instagram só serve para curtimos e comentarmos as fotos dos amigos? Que nada. A história da Renata Souza e da Nina começou pela rede social.

A Renata já tem uma cachorrinha em casa, então por que resolveu adotar mais um bicho? “Já estava querendo uma companheira pra minha cachorrinha Lulli há um tempo. Vimos o caso da Nina no Instagram e nos comovemos. Foi amor a primeira vista.” Ela contou que a página do Projeto John** fez um post sobre a cachorrinha, que foi abandonada no Terminal Pirituba, em São Paulo.

20180428_182430
Nina. Tem como não se apaixonar por essa carinha?

“A guarda do local viu quando a abandonaram. A irmã da Carol, do @projetojohn, a viu e em um primeiro momento não conseguiu resgatá-la, pois o motorista do ônibus não a deixou entrar sem a caixa de transporte. Alguns dias depois (não sei ao certo quando) ela a resgatou e a Nina foi para um lar temporário, em que tomou banho, foi ao veterinário, teve muito carinho, e suas primeiras necessidades atendidas.

A Renata fala ainda uma coisa interessante, “quando vi a postagem sobre a Nina, aquele olhar assustado me comoveu profundamente e resolvi adotá-la (com o consentimento da familia).” Isso é importante porque adotar um bicho é MUITO bom, mas também dá trabalho e é fundamental que a família toda esteja de acordo com a adoção para que o processo seja o mais tranquilo possível e que todos estejam realmente felizes com o novo membro da família.

Para a chegada da Nina ela comprou caminha, potinhos, roupinhas, coleira, “o necessário para o bem estar dela.” Hoje elas seguem para a terceira semana juntas. “No inicio ela estava desconfiada, mas depois só amor.” E como está a experiência de ter mais um bicho em casa e a adaptação das duas companheiras? “A experiência é maravilhosa, ela é muito agradecida e amorosa. No início a Lulli ficou desconfiada, arredia, mas aos poucos foram brincando, passeando juntas e estão se tornando amigas.” ❤️ ❤️ ❤️

Como foi a escolha do nome dela? “Foi bem difícil, mas no final meu marido sugeriu Nina e achei que combinava com ela.” E não é que combina, mesmo? Até aqui alguma curiosidade ou situação inesperada? “A Nina gosta de dormir com a barriga para cima e pega todas as minhas roupas e coloca na caminha dela.”
Ela é muito fofa e espero que seja muito feliz com a família de vocês Renata!

20180429_132829
Nina e a carinha feliz de quem foi adotada

** Projeto John – o perfil deles no Instagram é @projetojohn. E a bio deles diz o seguinte: “Criado para divulgar animais que precisam de ajuda, e ajudar os já resgatados, sejam por mim ou outras protetoras(es)!” 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s